Blogroll

               

22 setembro 2015

Pelo Futsal, Brasil e Portugal se enfrentam em busca de um recorde histórico

Brasil e Portugal tem muita coisa em comum além da língua portuguesa. As duas nações são potências em esportes amados pelo público. No futebol, os portugueses tem a honra de contar com Cristiano Ronaldo, atual melhor do mundo, e os brasileiros se desfrutam com a arte de Neymar. 

O futsal, não fica longe disso, enquanto os lusos tem Ricardinho, atual melhor do mundo, os canarinhos contam com Falcão, o melhor jogador da história do futsal mundial.




Duelo promete muita qualidade

Brasil e Portugal tem duas equipes muito técnicas, com isso, quem for à Arena Castelão prestigiará um duelo cheio de criatividade e muito disputado, pois além das jogadas mirabolantes de Falcão e Ricardinho, os treinadores tem a disposição atletas de muita qualidade. As seleções se preparam para a Copa do Mundo da modalidade, que acontecerá na Colômbia em 2016.


Recorde a vista

O Duelo das Estrelas vai marcar o segundo jogo de futsal em uma arena de futebol. O primeiro aconteceu no ano passado, em Brasília, no Mané Garrincha. Mais de 56 mil pessoas compareceram ao jogo em que o Brasil saiu vencedor,4x1 sobre a Argentina, fora o baile. Nessa edição, os organizadores querem superar a marca e contam com a expectativa de colocar mais de 60 mil pessoas na Arena Castelão.

Falcão x Ricardinho

Falcão e Ricardinho duelarão pela primeira vez com as suas seleções. Os dois já haviam se enfrentado pela Copa Intercontinental de Futsal em 2007 e o brasileiro saiu vencedor por 6x2 com quatro gols marcados e 2 do português. Ricardinho é fã declarado de Falcão, inclusive com uma tatuagem na panturrilha homenageando o craque da camisa 12 canarinho.





Valdin de volta ao Ceará


O cearense Valdin, jogará em sua terra natal depois de muito tempo. A última aparição do atleta foi no já distante ano de 2008, quando sagrou-se campeão do Grand Prix de Futsal pelo Brasil contra a Argentina no Ginásio Paulo Sarasate. 






Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

c