Blogroll

               

23 março 2017

Copa do Nordeste: Os times cearenses deixaram muito a desejar

Nesta quarta-feira (22), Fortaleza e Uniclinic, os dois times cearenses representantes da Copa do Nordeste 2017, jogaram a última rodada da fase de grupos já eliminados na competição. No grupo A, a Águia da Precabura, em cinco rodadas já haviam levado quinze gols, sendo o pior time de todo o torneio.

Na sexta rodada, levou mais outra goleada, agora do Náutico, que mesmo vencendo a partida por 9 a 0, também não se classificou. Confira os gols:



Apesar de o Uniclinic ser um time pequeno, ao final do Campeonato Cearense do ano passado, ele nos mostrava que poderia, sim, brigar por pelo menos uma classificação na fase de grupos. Resultado, uma vergonha nacional seguida da maior goleada da história na Copa do Nordeste.

O Fortaleza Esporte Clube não fica muito atrás. A força maior do estado que estava na competição, era o favorito a passar de fase no grupo B ao lado do Bahia. Os dois times mais fortes eram os candidatos a passarem de fase tranquilamente. Altos e Moto Club, antes dos jogos começarem, pareciam ser os coadjuvantes da chave, enquanto baianos e cearenses os protagonistas. 

O time baiano fez o certo e conquistou o acesso para a próxima fase com cautela, já o Fortaleza, infelizmente decepcionou. E na última rodada da fase de grupos, o Bahia venceu o Leão do Pici dentro de casa por 2 a 0, fazendo 14 pontos ao todo. 



Confira os gols de Bahia x Fortaleza:




Vale ressaltar que em todas as edições do Nordestão, Fortaleza, Bahia, Sport, Vitória, Santa Cruz, Náutico e Ceará (este último não participou devido a não classificação no Cearense) são sempre os favoritos a conquistarem o título.

Tudo bem que na temporada 2017 ainda não se consagrou o verdadeiro campeão, mas o Tricolor Cearense também era favorito. Por uma má fase e um péssimo futebol jogado dentro de campo, além da troca de treinadores e uma filosofia diferente, o atual campeão estadual não conseguiu o acesso.

No grupo B, o Tricolor de Aço ficou na segunda posição com sete pontos, mas não passou para as quartas de finais por causa do regulamento, que dos segundos colocados, só se classificavam os três melhores.

No final de tudo, vemos que o futebol cearense deixou muito a desejar na competição mais visada da região Nordeste. Também não podemos esquecer as quedas dos times locais na Copa do Brasil, tanto para o Fortaleza, quanto para Ceará e Guarani de Juazeiro.

Basta agora apagar tudo o que aconteceu no início deste ano, remontar as "peças"dos nossos times e cobrar muito mais dos dirigentes e treinadores para que os clubes cearenses não deem vexames novamente como foram nestes meses.

Feito por: Robson Mateus. 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

c